18 de março de 2016

Sobre Nós

Nossa Sociedade reune hoje 153 especialistas em atividade no Rio de Janeiro, em sua maioria vinculados à SBCI – Sociedade Brasileira de Cardiologia Intervencionista.

meeting-1015313_960_720_ed000

A História do Cateterismo Cardíaco em nossas terras a partir de 1949, e de como foi fundado o Departamento de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista do Estado do Rio de Janeiro, um departamento da SOCERJ – Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio de Janeiro, que viria mais tarde a dar origem a SOHCIERJ, foi magistralmente contada em 2009 pelos Doutores Edison Carvalho Sandoval Peixoto, Esmeralci Ferreira e Leslie Albuquerque Aloan, em artigo publicado na Revista da SOCERJ que republicamos: Rev SOCERJ. 2009;22(2):121-124.

Em 2016, sob a Presidência do intervencionista carioca Dr. Hélio Roque, e observando que nenhuma outra sociedade de Cardiologia Intervencionista no mundo continuava a fazer uso do termo Hemodinâmica em sua denominação, a então SBHCI passa a se chamar SBCI. Pouco tempo depois, sob a gestão 2016-2017, a então SOHCIERJ progama discutir se virá a ser conhecida como SOCIERJ – Sociedade de Cardiologia Intervencionista do Estado do Rio de Janeiro. Paralelamente, o planejamento estratégico de gestão objetivava uma reaproximação com a SOCERJ, e uma maior integração dos intervencionistas em atuação no Estado.

Quanto aos cardiologistas clínicos, esta direção deve levar a uma maior participação no evento anual da SOCERJ. Quanto aos intervencionistas, muitos já estavam se aproximando, porque nesta época o Dr. Edgard Quintella fomentava a criação de uma cooperativa de trabalho, e o Dr. João Otavio Araújo criava um fórum de discussão baseado em dispositivos móveis do tipo smartphones.

Assim, cada vez mais unidos, os intervencionistas se propuseram a repensar não só a atuação e a denominação da antiga SOHCIERJ, mas também uma nova identidade visual com maior presença da sociedade na web móvel. Este web site é apenas um dos frutos deste trabalho. Não sabemos onde isto nos levará, mas é certo que precisamos da sua participação.

Para saber mais, acesse:

Gestões Anteriores

Especialistas

Estatuto